O Outono chegou ao Viveiro do FUTURO

O Outono chegou ao Viveiro do FUTURO

Com a chegada dos dias mais frios e chuvosos de outono, as árvores do Viveiro do FUTURO mudaram a sua roupagem e as suas cores vibram agora em tons mais quentes.

Para acompanhar estas mudanças e ajudar às tarefas sazonais realizaram-se, desde setembro, seis sessões de trabalho com 13 voluntários.

A aproximação de uma nova época de produção, trouxe novos participantes e alguns votos renovados. Esse foi o caso dos alunos da CASO – Católica Solidária. Na sequência da experiência do ano anterior, o Viveiro do FUTURO contará esta época com três novos reforços: o Paulo, o Vasco e a Raquel. A primeira experiência começou em novembro e esteve repleta de novidades para os participantes. Certamente que ao longo do ano teremos mais sessões e experiências conjuntas para contar.

Os trabalhos de manutenção são uma constante e se as espécies infestantes vão dando algumas tréguas devido ao frio, a mesma alteração da temperatura significa transplantes e envasamentos, para permitir que a planta tenha mais espaço para crescer na próxima primavera. Foi igualmente tempo de retirar as coberturas de ensombramento das nossas jovens árvores, para permitir que as temperaturas mais baixas estimulem a perda da folha e permitam assim uma melhor adaptação das mesmas no momento da plantação.

Ainda durante o mês de outubro, contamos com a visita do ICNF – Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas – que veio avaliar e certificar as novas plantas, que seguirão em breve para as florestas da região.

Além dos voluntários habituais, durantes estes meses tivemos a presença muito especial de uma pequena cobra rateira (Malpolon monspessulanus). Esta é uma espécie muito importante da nossa herpetofauna e em contexto de viveiro é excelente para garantir o controlo natural das populações de roedores que por vezes se deliciam com muitas das nossas sementes.

A tod@s: muito obrigada!

FOTOS | Créditos: ©2018CREPorto.ampereira

Setembro | 28 de setembro

Outubro | 2 de outubro16 de outubro, 26 de outubro

Novembro | 8 de novembro

O Viveiro de Árvores e Arbustos Autóctones do FUTURO é uma parceria entre o CRE.Porto, a Câmara Municipal do Porto, o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas. Conta com o apoio da Lipor – Serviço Intermunicipalizado de Tratamento de Resíduos da Região Porto, da Silvapor – Ambiente e Inovação, da Leal & Soares e do projeto Sementes de Portugal. O Viveiro está licenciado pelo ICNF como fornecedor de materiais florestais de reprodução.

 

2018-11-13T12:24:35+00:0013 Novembro, 2018|viveiro do futuro|
A carregar entidades...