Colégio Novo da Maia regressa à ribeira do Arquinho

Colégio Novo da Maia regressa à ribeira do Arquinho

Em 2016 o Colégio Novo da Maia adotou o troço das “Lavadeiras”, na margem da ribeira do Arquinho, uma pequena área de intervenção integrada no projeto FUTURO. Nesta área os alunos deste colégio já plantaram árvores e já colaboraram em operações de limpeza. Agora, e dando sequência ao seu compromisso, o Colégio Novo da Maia inaugurou a 8ª época de plantação do FUTURO na Maia, no passado 29 de novembro. O regresso à área adotada, numa ação com 15 alunos e docentes e acompanhada por Marta Miranda Pereira, técnica da Câmara Municipal da Maia, permitiu a retancha (substituição de 15 árvores mortas) e a manutenção das 52 árvores sobreviventes, bem como a recolha de resíduos dispersos no espaço verde.

Obrigada a tod@s!

Para saber mais sobre a história do Colégio Nova da Maia no projeto FUTURO clique aqui.

FOTOS | Créditos: ©2018 mmpereira, ©2018 CNM

Esta atividade foi desenvolvida no âmbito do FUTURO – projeto das 100.000 árvores na Área Metropolitana do Porto, organizada pela Câmara Municipal da Maia, com a colaboração do CRE.Porto.

2018-12-06T10:25:40+00:006 Dezembro, 2018|ação de manutenção, ação de plantação|
A carregar entidades...